Memórias de um diabo de garrafa

28/03/2009 at 12:18 pm 1 comentário

Olha eu aqui de novo em mais um Chá com letras! Nesse calor horrendo o chá é gelado, mas em muito boa companhia. Eu me lembrei de indicar este livro que eu adoro vendo uma chamada dessa nova novela das 6 (pra cima de moi cherry, tu nem vê teve, deve estar a beira da morte!) que falava num tal de filho do diabo 😉 pronto nem precisei ver outro duelo épico. E tu me perguntas, porque esta guria gosta desse livro?! Pois e te digo, vem comigo viajar a mais 5 séculos atrás…. lendo:  Memórias de um diabo de garrafa… ( Affffff cherry agora entendi porque tu lembrou dele)

O livro é a autobiografia de Giacomo Lorenzo Bembo, um diabo “conjurado nas ruínas do Coliseu romano, na madrugada de 31 de outubro do ano de 1526 d.C.”, pelo escultor e ourives renascentista Benvenuto Cellini (1500-1571).

A narrativa se estende por cinco séculos, tempo no qual Giacomo se associa a gente famosa, como o pirata Francis Drake, o violinista Nicolò Paganini, bem como a outras criaturas menos célebres, mas igualmente pitorescas, como Nuno da Silva, marinheiro português do tempo das grandes navegações; Khosr, diabo assírio de mais de 2,5 mil anos de idade; e José Afonso Gonçalves, jovem arqueólogo brasileiro de fins do século passado, envolvido em uma trama de ladrões de casaca no Oriente Médio.

Tem uma descrição da personagem ainda no prólogo, mas fico por aqui, ficastes curiosa? Lê, lê que vale a pena, é leitura leve, divertida, recheada de história e humor, rende muitas risadas. 

Estrelinhas coloridas pra todas
Mi

Memórias de um diabo de garrafa / Alexandre Raposo – São Paulo: Record, 1999.

 

 

 

Anúncios

Entry filed under: Chá com letras.

Os mimos E quem leva é…

1 Comentário Add your own

  • 1. Alexandre Raposo  |  01/04/2009 às 8:02 pm

    Oi Mi! Muito simpático teu comentário sobre o meu livro “Memórias de um Diabo de Garrafa”. Adorei a produção da foto! Já que gostou do livro, aproveito para indicar meu romance anterior “Inca: A Saga da América Pré-Colombiana” e meu livro de contos fantásticos “Éden 4.” Tudo de bom!

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Puxem a cadeira, sentem-se, a água do café ainda está fervendo e enquanto isso vamos juntas trocar figurinhas sobre o fazer sem o saber.

Dia-a-Dia

Passou, mas está aqui!

Já passaram por aqui...

  • 257,406 hits

Feeds


%d blogueiros gostam disto: